China e Rússia realizam exercício naval exibindo ‘alto nível de confiança e capacidades’
14 de outubro de 2021
Cibercriminosos clonam voz de diretor de empresa e roubam US$ 35 milhões de banco nos EAU, diz mídia
15 de outubro de 2021

Após ser excluída do programa F-35 pelos EUA, Turquia considera modernizar seus caças F-16

Caça F-16C Viper da Força Aérea da Turquia

© Foto / Forças Armadas da Turquia

A Turquia está considerando a possibilidade de expandir sua frota e atualizar aeronaves militares F-16 existentes, ao invés de adquirir os mais recentes caças norte-americanos F-35.

O acordo acabou sendo cancelado por Washington devido à compra dos sistemas de defesa antiaérea russos S-400 por Ancara, informou o porta-voz presidencial turco, Ibrahim Kalyn.

“Nossa primeira escolha é adquirir o F-35, e isto [compra de sistemas S-400] é o nosso direito. Se a crise com os EUA for superada, a Turquia entrará novamente no programa e nós receberemos nossos F-35. Se o problema não for resolvido, continuaremos a procurar alternativas […]. A expansão da frota existente de F-16 e sua modernização podem ser consideradas alternativas. Dependendo das condições, uma decisão final será tomada com base em nossas necessidades”, disse Kalyn em uma entrevista ao jornal Milliyet.

Caça F-16 da Força Aérea da Turquia decolando da base de Incirlik, operada em parceria com a Força Aérea dos EUA e localizada na província de Adana

© REUTERS / Murad Sezer

Caça F-16 da Força Aérea da Turquia decolando da base de Incirlik, operada em parceria com a Força Aérea dos EUA e localizada na província de Adana

Ele acrescentou que a exclusão da Turquia do programa F-35 é “completamente ilegal e injusta”, observando que Ancara já havia pago a Washington US$ 1,4 bilhão (cerca de R$ 7,6 bilhões) por sua participação no programa.

Em abril, os EUA notificaram oficialmente a Turquia sobre sua exclusão do programa, uma vez que Ancara comprou os sistemas de defesa antiaérea russos acima mencionados.

Atualmente, os sete parceiros restantes do projeto F-35 são o Reino Unido, Itália, Países Baixos, Austrália, Dinamarca, Canadá e Noruega.

Fonte: https://br.sputniknews.com/defesa/2021101218116680-apos-ser-excluida-do-programa-f-35-pelos-eua-turquia-considera-modernizar-seus-cacas-f-16/

Jacinto Pereira
Jacinto Pereira
Jacinto Pereira de Souza, Radialista, Historiador e Policial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

seis + dez =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.