Guia para entender o caso Queiroz e Flávio Bolsonaro
18 de junho de 2020
EUA tentando imitar cores de caça russo
19 de junho de 2020

Assista ao vídeo do momento em que Fabrício Queiroz foi preso em imagens da Polícia Civil de São Paulo

Alvo de uma operação da Polícia Civil em São Paulo, Fabrício Queiroz, ex-assessor da Flávio Bolsonaro, não ofereceu resistência à prisão. Confira as imagens que retratam a detenção

18 de junho de 2020, 11:03 h Atualizado em 18 de junho de 2020, 11:55

Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz e Jair Bolsonaro Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz e Jair Bolsonaro (Foto: Ag. Senado | Polícia Civil/Divulgação | PR)

247 – Foram divulgadas as imagens do momento em que policiais prenderam Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro, em Atibaia, no interior de São Paulo. Queiroz, na mira da Justiça do Rio por envolvimento em um esquema de corrupção na Assembleia Legislativa do Rio, não ofereceu resistência à prisão.

Leia a matéria do Brasil 247 sobre a prisão de Queiroz:

O ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro Fabrício Queiroz foi preso na manhã desta quinta-feira (18) em Atibaia, no interior de São Paulo. Ele estava no imóvel de Frederick Wassef, advogado de Flávio Bolsonaro. Policial Militar aposentado, Queiroz movimentou R$ 1,2 milhão em sua conta de maneira considerada “atípica”, segundo relatório do antigo Conselho de Atividades Financeiras (Coaf).

O MP do Rio também cumpre mandados de busca e apreensão em diversos endereços da capital paulista e no Rio. No Rio, a Polícia Civil faz buscas em um imóvel que consta da relação de bens do presidente Jair Bolsonaro, em Bento Ribeiro.

A Justiça do Rio de Janeiro expediu o mandado de prisão no âmbito das investigações sobre um esquema de corrupção e lavagem de dinheiro na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) – o filho de Jair Bolsonaro era deputado estadual. A prisão foi feita numa operação da Polícia Civil e o Ministério Público de São Paulo.

Ainda segundo o Coaf, Queiroz movimentou R$ 7 milhões de 2014 a 2017.

Veja agora a pauta sobre o lugar em que o ex-assessor estava escondido, em um imóvel do advogado Frederick Wassef, que defende Flávio Bolsonaro:

Ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), Fabrício Queiroz estava em um imóvel de Frederick Wassef, advogado do parlamentar, e foi levado para unidade da Polícia Civil no Centro da capital paulista, onde deverá passar por exame de corpo de delito. O mandado de prisão foi expedido pela Justiça do estado do Rio de Janeiro. Investigadores apuram um esquema de corrupção que aconteceu na Assembleia Legislativa do Rio – o parlamentar era deputado estadual.

A Polícia Civil e o MP-RJ cumprem também um mandado de busca e apreensão em uma casa que pertence a Jair Bolsonaro na Zona Norte do Rio e que foi seu comitê de campanha. Atualmente, quem mora na casa é Alessandra Esteves Marins, ligada ao gabinete do senador Flávio Bolsonaro

De acordo com um relatório do antigo Conselho de Atividades Financeiras (Coaf), foram identificadas operações bancárias suspeitas de 74 servidores e ex-servidores da Alerj. As investigações apontaram que o dinheiro usado para pagar funcionários na Alerj voltavam para os próprios deputados estaduais.

O Coaf identificou uma movimentação atípica de R$ 1,2 milhão na conta de Queiroz, que ocorre entre janeiro de 2016 e janeiro de 2017.

Fonte: https://www.brasil247.com/regionais/sudeste/assista-ao-video-do-momento-em-que-fabricio-queiroz-foi-preso-em-imagens-da-policia-civil-de-sao-paulo

Jacinto Pereira
Jacinto Pereira
Jacinto Pereira de Souza, Radialista, Historiador e Policial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × dois =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.