‘Não decidem nada’: volta da Rússia ao G7 visa alienar a China, diz Lavrov
22 de dezembro de 2019
Estratégia dourada: Rússia alcança recordes na produção de ouro, informa Ministério da Economia
23 de dezembro de 2019

Capacidade de artilharia dos EUA é inferior à da Rússia, indica National Interest

 

Lançamento de míssil balístico do complexo tático-operacional Iskander-M no polígono Kapustin Yar, na região russa de Astrakhan (foto de arquivo)

© Sputnik / Stringer

Defesa

05:28 22.12.2019URL curta

7141

Nos siga no

Os pesquisadores da corporação Rand concluíram em um relatório que a artilharia de campo do Exército dos EUA é inferior à do Exército russo, segundo a revista americana National Interest.

De acordo com o artigo, desde o início dos anos 2000, o Pentágono tem se concentrado na luta contra os rebeldes e o terrorismo. Durante as operações envolvendo pequenas unidades no Iraque e no Afeganistão, o principal instrumento de apoio de fogo foram os aviões e os helicópteros e não a artilharia.

Isto resultou em menos experiência para os artilheiros americanos do que antes do ataque do 11 de Setembro, escreve a mídia.

O especialista John Gordon observa que, como resultado disso, a artilharia americana se tornou menos eficaz, enquanto a eficácia da artilharia russa se manteve.

“Durante os longos anos de contrainsurgência, os dois ramos do Exército americano que sofreram reduções de maior dimensão foram a artilharia de campo e a defesa aérea”, disse Gordon.

Forças poderosas

Embora o Exército russo seja menor do que durante a Guerra Fria, ele está armado com poderosos obuseiros, lança-foguetes múltiplos e mísseis balísticos, escreve a mídia.

As forças russas, segundo a revista, podem atingir as posições do inimigo a uma distância considerável por meio do lançador de foguetes múltiplos Smerch, com um alcance de cerca de 100 quilômetros, e do sistema de mísseis Iskander, que pode disparar a cerca de 400 quilômetros, enquanto o obuseiro Paladin americano de 155 milímetros tem um alcance aproximado de apenas 32 quilômetros.

“As sofisticadas defesas aéreas russas, como os mísseis antiaéreos S-400, podem ser capazes de impedir que as aeronaves da OTAN ataquem as colunas blindadas russas e as rotas de abastecimento”, ressalta o artigo.

Sistemas russos S-400

© Sputnik / Aleksandr Galperin

Sistemas russos S-400

A corporação Rand é um think tank que trabalha para o Pentágono e para o Congresso e faz parte das Forças Armadas dos EUA.

Fonte: https://br.sputniknews.com/defesa/2019122214924667-capacidade-de-artilharia-dos-eua-e-inferior-a-da-russia-indica-national-interest/

Jacinto Pereira
Jacinto Pereira
Jacinto Pereira de Souza, Radialista, Historiador e Policial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − catorze =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.