Vagas de emprego nos EUA caem acentuadamente em junho em meio ao esfriamento do mercado de trabalho
4 de agosto de 2022
Pior perspectiva desde 2008: Reino Unido sobe juros e diz que inflação chegará a 13%
4 de agosto de 2022

Irã critica inação da UE em ‘sanções cruéis’ dos EUA

Mísseis balísticos com bandeiras dos EUA e do Irã ao fundo - Sputnik Brasil, 1920, 03.08.2022

© Depositphotos / Kachura Oleg

Chefe da Comissão de Direitos Humanos do Irã, Kazzem Qaribabadi criticou os países da União Europeia (UE) por sua inação diante das “cruéis” sanções dos EUA.

Ao falar sobre os embargos econômicos, que deixaram um impacto negativo em todos os aspectos da política iraniana, Kazzem Qaribabadi criticou a inércia de alguns países da Europa, sublinhando que os direitos humanos da nação não são levados em conta.

Qaribabadi disse que 25 mil iranianos até agora foram vítimas de atos de terror, enquanto as “sanções mais cruéis” foram impostas à nação por Washington.

“O papel da Europa [na situação] não deve ser ignorado. Os europeus não deram um único passo para a remoção das sanções nos últimos anos”, acrescentou.

Refinaria de petróleo ao sul de Teerã, capital do Irã - Sputnik Brasil, 1920, 01.08.2022

Panorama internacional

EUA sancionam empresas de Hong Kong, Emirados Árabes Unidos e Irã

1 de agosto, 17:02

Qaribabadi apontou que a política de pressão máxima deixou impactos negativos nas pessoas comuns do Irã e criticou Washington “por seu regime de sanções brutais contra a República Islâmica do Irã“.

Ele ainda relembrou que os EUA, desde os anos 1970, impõem sanções econômicas e comerciais ao Irã e as expandiram significativamente desde o início dos anos 2000.

“Peço aos Estados sancionadores, particularmente os EUA, que abandonem as sanções unilaterais”, afirmou.

Fonte: https://br.sputniknews.com/20220803/ira-critica-inacao-da-ue-em-sancoes-crueis-dos-eua-23973678.html

Jacinto Pereira
Jacinto Pereira
Jacinto Pereira de Souza, Radialista, Historiador e Policial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + dezenove =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.