G7 esnoba Brasil e convoca Argentina para reunião na Alemanha
1 de junho de 2022
Alemanha não tem armas que prometeu fornecer à Ucrânia, diz oficial
2 de junho de 2022

MD russo: maior parte dos mercenários na Ucrânia é eliminada devido a falta de experiência militar

05:43 02.06.2022

Divisão dos sistemas S-300PM2 Favorit durante operação especial russa na Ucrânia, 2 de junho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 02.06.2022

© Sputnik / Ministério da Defesa da Rússia

Conforme informou na quinta-feira (2) o Ministério da Defesa da Rússia, desde o início de maio, o fluxo de mercenários estrangeiros à Ucrânia quase parou.

O major-general Igor Konashenkov, representante oficial da pasta, disse que centenas de mercenários foram aniquilados na Ucrânia logo depois de sua chegada, nos locais de preparação adicional.

O número de mercenários estrangeiros no país se reduziu quase para metade, de 6,6 mil para 3,5 mil. Em Donbass essa redução foi em dezenas de vezes, segundo dados do ministério. A maior parte dos combatentes estrangeiros ao lado de Kiev foi eliminada devido à falta de experiência de combate e baixo nível de treinamento, relatou Konashenkov.

De acordo com a Defesa russa, os comandantes das unidades do Exército ucraniano e da Guarda Nacional que empregam os mercenários não os poupam, em busca de reduzir as perdas entre seus soldados. Além disso, muitos mercenários de outros países, ao enfrentarem a situação real no campo de combate, preferem deixar a Ucrânia, mas Kiev se esforça a impedir sua saída, afirmaram na pasta.

Muralhas do Kremlin junto ao rio Moscou em Moscou, Rússia, foto publicada em 22 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 24.05.2022

Panorama internacional

Conselho de Segurança da Rússia: OTAN vê como cenário ideal conflito na Ucrânia ardendo eternamente

24 de maio, 05:06

Conforme os dados atualizados, nas últimas 24 horas, as Forças Armadas da Rússia atingiram 21 áreas de concentração de força viva e de equipamento, inclusive centros de comando das formações ucranianas nazistas Kraken e Azov, nos arredores de Carcóvia.

Perto da povoação de Lubomirovka, na região de Nikolaev, a aviação russa derrubou um Su-25 da Força Aérea ucraniana. Os ataques aéreos russos resultaram na eliminação de até 240 nacionalistas ucranianos, bem como de diversos depósitos de munições e combustível em Donbass. As tropas de mísseis também destruíram 131 centros de comando, 146 baterias de artilharia e morteiros e 579 áreas de concentração de pessoal e equipamento militar da Ucrânia.

Fonte: https://br.sputniknews.com/20220602/md-russo-maior-parte-dos-mercenarios-na-ucrania-e-eliminada-devido-a-falta-da-experiencia-militar-22885456.html

Jacinto Pereira
Jacinto Pereira
Jacinto Pereira de Souza, Radialista, Historiador e Policial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × 5 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.