Putin coloca de maneira clara para o mundo as realidades e as causas de sua operação especial na Ucrânia e as consequências do envolvimento dos EUA e da OTAN nesse conflito

“Uma guerra global levaria toda a humanidade à beira da destruição”, afirma Putin

A Rússia não tem intenção de atacar a Otan, disse o presidente russo em entrevista ao jornalista Tucker Carlson


(Foto: Reuters)

247 – A Rússia não tem intenção de atacar os estados membros da OTAN e só retaliará se for atacada primeiro,disse o presidente Vladimir Putin ao jornalista americano Tucker Carlson numa entrevista transmitida na quinta-feira (8).

Os países ocidentais estão “tentando intimidar a sua própria população com uma ameaça russa imaginária”, disse Putin. Ele acrescentou que “pessoas inteligentes entendem perfeitamente que isso é falso”.

Questionado se tem “objectivos territoriais em todo o continente”, Putin disse que  isto “está absolutamente fora de questão”.

“Não é preciso ser analista para entender que envolver-se numa guerra global vai contra o bom senso. Uma guerra global levaria toda a humanidade à beira da destruição.”

Putin argumentou ainda que os governos ocidentais estão a usar “táticas de intimidação” para convencer os seus contribuintes a fornecerem mais dinheiro para “enfraquecer a Rússia” na Ucrânia e noutros lugares.

Moscou citou repetidamente a expansão contínua da NATO para leste e o seu apoio a Kiev como uma das causas profundas do atual conflito na Ucrânia. As autoridades russas também alertaram que a entrega de armas e outro equipamento militar à Ucrânia apenas conduzirá a uma nova escalada.

Fonte: https://www.brasil247.com/mundo/uma-guerra-global-levaria-toda-a-humanidade-a-beira-da-destruicao-afirma-putin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − nove =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.