Rússia contorna sanções, eleva importações e frustra líderes ocidentais, relata Bloomberg

A Torre Spasskaya do Kremlin de Moscou e o prédio do centro de negócios Arms em Moscou - Sputnik Brasil, 1920, 05.03.2023

© Sputnik / Vitaly Belousov

Os líderes europeus acreditam que a Rússia parece estar contornando com sucesso as sanções da UE e do G7.

As importações da Rússia quase voltaram ao nível de 2020 e, aparentemente, os microcircuitos avançados e circuitos integrados produzidos na União Europeia e em outros países ocidentais estão sendo enviados ao país por meio de países terceiros, como a Turquia, Emirados Árabes Unidos e Cazaquistão, afirmou a Bloomberg.

Desde o início da operação especial russa, o Ocidente não poupou esforços para impor diversos pacotes de sanções contra a Rússia, em uma tentativa cega de enfraquecer a defesa russa e sua economia.

Contudo, os dados mostram que o impacto real em algumas áreas não correspondeu às expectativas da liderança ocidental.

Agora, os especialistas acreditam que não adianta aplicar novas sanções, mas sim cuidar dos mecanismos de sua aplicação.

O fornecimento de mercadorias da China para a Rússia aumentou e Pequim tem tido um papel cada vez mais importante no abastecimento da Federação da Rússia.

Prédio do Departamento do Tesouro dos EUA perto do pôr-do-sol em Washington, EUA, 18 de janeiro de 2023 - Sputnik Brasil, 1920, 03.03.2023

EUA advertem empresas para não contornarem as sanções impostas à Rússia

3 de março, 06:55

A China e outros países não pertencentes à UE não impuseram sanções contra a Rússia, contudo negam estar apoiando o Kremlin.

Por sua vez, a própria UE carece de ferramentas efetivas para imposição de sanções, ficando atrás dos EUA, que têm uma agência centralizada, procedimentos de coleta de informações mais eficientes e legislação mais forte para imposição de restrições.

De acordo com a mídia, alguns bens sancionados, principalmente semicondutores, estão entrando na Rússia por meio de países terceiros, muitos dos quais mudaram consideravelmente seus padrões comerciais.

Membros do Parlamento Europeu durante cerimônia do 70º aniversário da Casa legislativa, em 22 de novembro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 03.03.2023

Panorama internacional

Ineficácia das sanções contra a Rússia ‘tiram o sono’ do Ocidente, diz mídia

3 de março, 05:55

Em alguns casos, as exportações para a Rússia de tecnologia sancionada passaram de zero para milhões de dólares.

Rastrear as rotas é difícil, pois os compradores às vezes usam modelos corporativos de transporte e distribuição para ocultar o destino final de suas mercadorias, relata a Bloomberg.

Em sua enlouquecida perseguição, Biden divulgou um documento para reprimir intermediários que ajudam a Rússia a escapar das sanções e de controles de exportação, citando a China, Armênia, Turquia e Uzbequistão como principais parceiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × 3 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.