Boris Johnson chega para votar em dia que decide o seu futuro como primeiro-ministro
6 de junho de 2022
Venezuela e Cuba agradecem a López Obrador por gesto solidário de não ir à Cúpula das Américas
7 de junho de 2022

Rússia volta a atacar Kiev, enquanto Putin alerta Ocidente sobre fornecimento de mísseis à Ucrânia

Se Washington entregar foguetes de longo alcance, “atacaremos alvos que ainda não atingimos”, disse Putin

6 de junho de 2022, 04:05 h Atualizado em 6 de junho de 2022, 04:09

www.brasil247.com - (Foto: Reuters)

Reuters – Neste domingo (5), a Rússia atingiu Kiev com mísseis pela primeira vez em mais de um mês, enquanto o presidente Vladimir Putin alertou que atingiria novos alvos na Ucrânia se nações ocidentais fornecerem ao país mísseis de longo alcance.

Em Sievierodonetsk, o principal campo de batalha no lesteucraniano, onde a Rússia concentrou suas forças, as forças ucranianas ainda mantêm a resistência.

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskiy, disse no domingo que viajou para Lysychansk, ao sul de Sievierodonetsk, e Soledar.

“O que todos vocês merecem é a vitória – isso é o mais importante. Mas não a qualquer custo”, disse Zelensky às tropas ucranianas em um vídeo divulgado na noite de domingo.

Lysychansk e Sievierodonetsk estão na região de Lughansk e Soledar está na região de Donetsk. Ambas as regiões compõem o Donbass, o coração industrial da Ucrânia, que a Rússia afirma ter a missão de “libertar”.

A Ucrânia disse que o ataque a Kiev atingiu uma obra de reparo de vagões, enquanto Moscou disse que destruiu tanques enviados por países do Leste Europeu para a Ucrânia.

Oleksandr Kamyshin, chefe da ferrovia ucraniana, confirmou que quatro mísseis atingiram a instalação de reparo de vagões de Darnytsia, no leste de Kiev, mas disse que não havia equipamento militar no local.

Os Estados Unidos disseram na semana passada que enviariam novos e avançados sistemas de foguetes de médio alcance para a Ucrânia.

Se Washington entregar foguetes de longo alcance, “atacaremos aqueles alvos que ainda não atingimos”, disse ele. Ele descartou o impacto dos drones ocidentais, dizendo que a Rússia os estava “quebrando como nozes”.

Fonte: https://www.brasil247.com/mundo/russia-volta-a-atacar-kiev-enquanto-putin-alerta-ocidente-sobre-fornecimento-de-misseis-a-ucrania

Jacinto Pereira
Jacinto Pereira
Jacinto Pereira de Souza, Radialista, Historiador e Policial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 + dezoito =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.